Páginas

quinta-feira, 7 de junho de 2018

Produção do anime "Nidome no Jinsei o Isekai de" foi cancelado

O site oficial da adaptação para série anime do light novel Nidome no Jinsei o Isekai anuncia que a produção e a emissão da série foi cancelada. No anúncio feito pelo comité de produção é referido que surgiram várias preocupações após a revelação do anime e a mensagem também inclui um pedido de desculpas.

O jornal Asahi Shimbun revelou na Quarta-feira que a editora Hobby Japan decidiu cancelar nesse dia o envio para as lojas do light novel original escrito por MINE.

As contas oficias dos dobradores (seiyuu's) Toshiki Masuda, Megumi Nakajima e Kiyono Yasuno tinham anunciado ontem que estes tinham renunciado os papéis na adaptação para série anime do light novel Nidome no Jinsei o Isekai. Também, a agência de gestão de talento 81 Produce anunciou que Nanami Yamashita deixou de fazer parte do elenco do anime. De acordo com os seus anúncios, Masuda, Nakajima, Yasuno e Yamashita iam interpretar as personagens Renya Kunugi, Rona Chevalier, Shion Femme Fatale e Criador, respectivamente.

Estes anúncios surgem após ter vindo a público alegados insultos e observações discriminatórios dirigidos à China e à Coreia do Sul proferidos pelo autor do light novel original, MINE. O autor também é acusado de ter conteúdo discriminatório mesmo na história da obra.

MINE já fez um pedido de desculpa através do Twitter na Terça-feira. Na primeira série de tweets, o autor escreveu que: "Relativamente aos meus tweets antigos, eu fiz com que muitas pessoas sentissem extremamente desconfortáveis e quero pedir desculpas por ter escrito observações inapropriadas". Ele diz que está a "reflectir profundamente" por ter publicado "sem ter compreendido de forma precisa todos os factos" e por não ter feito uma reflexão profunda das suas palavras. MINE acrescentou que não espera ser perdoado pelas pessoas que ofendeu, mas que queira dar um "pedido de desculpas sincero".

Relativamente ao conteúdo do seu light novel, MINE diz que se apercebeu da sua "escrita pobre" e "observações imprudentes". Como consequência de se ter apercebido do conteúdo inapropriado na sua obra, MINE vai deixar de disponibilizar os light novels no site "Shōsetsuka ni Narō". Ele planeia discutir com a editora sobre a possibilidade de corrigir as edições relevantes impressas da obra.

A série anime tinha estreia prevista para Outubro deste ano.

O realizador da série é Keitaro Motonaga (Digimon Adventure tri.), que conta com o estúdio Seven Arc Pictures na produção do anime. Takamitsu Kouno (Gabriel Dropout) é o responsável pelos guiões da série e, na escrita dos guiões, vai contar com a colaboração de Touko Machida, Koujirou Nakamura e Chabo Higurashi. Makoto Takahoko vai adaptar os designs originais das personagens criadas pelo ilustrador da obra original, Kaobcha, para a animação.

MINE começou a publicar a história no site "Shōsetsu ni Narō" em Janeiro de 2014. A Hobby Japan começou a publicar a o light novel em formato físico, que contém as ilustrações de Kaobcha, em Novembro de 2014.

Fonte: ANN - 1 e 2

Sem comentários:

Publicar um comentário