Páginas

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

5º Volume do mangá "Kekkai Sensen: Back 2 Back" vai conter um novo OVA

A Amazon Japan disponibilizou a pré-reserva do 5º volume do mangá Blood Blockade Battlefront Back 2 Back (ou Kekkai Sensen: Back 2 Back) e na imagem que promove a pré-reserva é revelado que o volume vai conter um novo OVA (Original Video Anime). O 5º volume da obra vai estar à venda a partir de 4 de Julho.

O mangá original de Yasuhiro Nightow foi inicialmente lançado como um one-shot na Jump Square em Maio de 2008. Depois, em 2009, tornou-se numa mini-série de três partes com o título Kenken Sensen - Mafuugai Kessha-, até que começou a ser publicado regularmente na revista Jump SQ.19. Após o fim da publicação desta revista, a obra começou a ser publicada na Jump SQ. CROWN sob o título Blood Blockade Battlefront Back 2 Back em Julho de 2015. A obra inspirou uma série anime de 12 episódios em Abril de 2015. O 12º e último episódio só foi emitido em Outubro desse ano. A temporada da série foi emitida entre Outubro e Dezembro de 2017 e teve 12 episódios. O mangá também foi adaptado para um Original Anime DVD (OAD), que foi lançado em Junho do ano passado.

Nightow é conhecido por ter criado o mangá Trigun, que inspirou uma série anime e um filme anime produzidos pela Madhouse, em 1998 e 2010, respectivamente. O mangá foi lançado entre 1995 e 1997, altura em que foi cancelado. Em 1998, a obra volta a ser publicado noutra revista, mas agora com o título Trigun Maximum. A obra terminou em 2008. Nightow também foi o co-criador do jogo e do anime Gungrave.

Fonte: Moetron News

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Mangá "Koi wa Ameagari no You ni" vai terminar dentro de 2 capítulos

A 12ª edição deste ano da revista Big Comic Spirits revela que faltam apenas dois capítulos, sem contar com o capítulo que foi publicado nesta semana, para que o mangá da autoria de Jun Mauzuki, Koi wa Ameagari no You ni, chegue ao fim. A obra não vai ser publicada na 13ª edição da revista, mas vai voltar daqui a duas semanas, quando for lançada a 14ª edição.

O mangá foi lançado na Monthly Big Comic Spirits em 2014, mas, desde o início de 2016, passou a ser publicado na Weekly Big Comic Spirits, onde é publicado um novo capítulo de duas em duas semanas.

A obra foi adaptada para uma série anime de 12 episódios que estreou em Janeiro e que ainda se encontra a ser emitida.

O mangá centra-se numa estudante de 17 anos de idade chamada Akira Tachibana, que raramente expressa os seus sentimentos. Ela tem uma paixão secreta secreta por Masami Kõndo, o gerente de 45 anos de idade de um restaurante familiar onde a Akira trabalha em 'part-time'.

Fonte: ANN

domingo, 18 de fevereiro de 2018

Light novel "Goblin Slayer" vai ser adaptado para série anime

Foi anunciado no evento Wonder Festival que o light novel da autoria de Kumo Kagyu, Goblin Slayer, vai ser adaptado para uma serie anime que vai ser produzida pelo estúdio WHITE FOX.

O elenco da série vai ter o mesmo elenco que esteve envolvido no Drama CD baseado na obra:

  • Yuichiro Umehara interpreta o Assassino de Goblins (Goblin Slayer);
  • Yui Ogura interpreta a Sacerdotisa;
  • Nao Toyama interpreta o High Elf Archer (e sim, não estou a conseguir traduzir isto...);
  • Yuka Iguchi interpreta a Rapariga Vaca (Cow Girl);
  • Maaya Uchida interpreta a Rapariga da Guild;
  • Yuuichi Nakamura interpreta o Xamã Gnomo;
  • Tomakazu Sugita interpreta o Sacerdote Lagarto;
  • Yõko Hikasa interpreta a Bruxa;
  • Yoshitsugu Matsuoka interpreta o Lanceiro.
O primeiro volume do light novel de fantasia negra foi lançado em Fevereiro de 2016. O sétimo volume da obra vai ser colocado à venda em Março. O light novel contém as ilustrações de Noburo Kannatsuki.

A editora Yen Press, que publica a obra nos EUA, descreve do seguinte modo a história da obra:

"Uma jovem sacerdotisa acaba de se juntar ao seu primeiro grupo de aventuras, mas, eles rapidamente deparam-se com dificuldades. E quem os salva é o Assassino de Goblins - um homem que dedica a sua vida toda a exterminar goblins a qualquer custo."


Fonte: ANN

sábado, 17 de fevereiro de 2018

Anime "Sword Art Online: Alicization" vai cobrir o "Arco Alicization" na sua totalidade

Kazuma Miki, editor do light novel e produtor do anime de Sword Art Online, referiu na apresentação "SAO and GGO New Anime and Original Work Stage", que ocorreu num encontro de fãs de Sword Art Online neste Sábado, que a nova série anime da franquia, Sword Art Online: Alicization, vai cobrir por inteiro o arco "Alicization" do light novel original criado por Reki Kawahara. Miki não divulgou quaisquer informações relativamente à duração da nova série.

O arco "Alicization" vai desde do 9º até ao 18º volume do light novel original.

A obra de Reki Kawahara foi lançada em 2009 e desde então já foi adaptada para duas séries anime, um especial anime e um filme anime que estreou nos cinemas japoneses em 2017.

Fonte: ANN

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Mangá spin-off de "Kaiji" vai ser adaptado para série anime ainda neste ano e vai ser produzida pela Madhouse

A Amazon Japan divulgou a capa do terceiro volume do mangá 1-nichi Gaishutsu-roku Hanchō, na qual é revelada que o mangá spin-off do mangá Kaiji, Chuukan Kanriroku Tonegawa, vai ser adaptado para série anime. O estúdio Madhouse vai produzir o anime que está previsto estrear ainda este ano no bloco de programação "AnichU" do canal japonês NTV.

O spin-off foi lançado em 2015 com a colaboração de Nobuyuki Fukumoto, autor do mangá Kaiji. Tensei Hagiwara está encarregue da história, enquanto que Tomohiro Hashimoto e Tomoki Miyoshi são responsáveis pelas ilustrações.

Chuukan Kanriroku Tonegawa segue o "quotidiano agonizante de Yukio Tonegawa, executivo do Grupo Teiai, que se mete em conflitos com o Hyõdo e os fatos negros."

No mangá original que foi lançado em 1996, e que terminou em 1999, Tobaku Mokushiroku Kaiji, um apostador compulsivo chamado Kaiji aposta em jogos que vão do pedra, papel e tesoura até jogos de mahjong com dois jogadores. Já foram lançadas três sequelas da obra, a última das quais, Tobaku Datenroku Kaiji One Poker-Hen, terminou em Setembro do ano passado.

Fonte: ANN

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Arco "Tokyo Dome" do mangá Gurazeni chegou ao fim, novo arco começa a 29 de Março

Foi publicado na 11ª edição deste ano da revista Weekly Morning o último capítulo do mangá de basebol da autoria de Yuuji Moritaka (história) e de Keiji Adachi (ilustração), Gurazeni: Tokyo Dome-hen. Na mesma edição foi anunciado que vai ser lançada uma nova série com o título Gurazani: Pa League-hen (Arco Liga do Pacífico) a apartir de 29 de Março, quando for lançada a 17 edição da revista mencionada.

Yuuji Moritaka e Kenji Adachi lançaram o mangá original Gurazeni em 2010 e foi publicado até 2014. Mas, em Setembro de 2014, foi lançada a sua sequela Gurazeni: Tokyo Dome-hen. O 14º volume da sequela vai ser posto à venda a 23 de Fevereiro.

A história do mangá centra-se à volta de uma equipa de basebol que funciona como se fosse uma sociedade altamente estratificada, onde o desempenho do jogador vai determinar o seu salário anual. A história segue um lançador secundário com uma carreira de oito anos que tem um lançamento peculiar com a mão esquerda à medida que luta para sobreviver debaixo do sistema duro da equipa.

Fonte: ANN

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Faltam 7 capítulos para o fim do mangá "Fuuka"

A 11ª edição deste ano da revista Weekly Shõnen Magazine revela que o mangá Fuuka, da autoria de Kouji Seo, vai chegar ao fim dentro de sete capítulos.

Kouji Seo lançou o mangá em Fevereiro de 2014, no mesmo dia em que terminou a sua outra obra, A town where you live (Kimi no Iru Machi).

A obra foi adaptada para uma série anime de 12 episódios que foi emitida entre Janeiro e Março do ano passado.

Tanto A town where you live e Suzuka, as duas obras anteriores do autor, foram adaptadas para séries anime.

A história de Fuuka centra-se num jovem rapaz chamado Yuu Haruna que acabou de se transferir para outra escola. Ele é um pouco tímido e está constantemente a olhar para o seu telemóvel (ou celular) para ver o que se passa no Twitter. Ele conhece uma rapariga chamada Fuuka Akitsuki, que nem sequer tem uma telemóvel, mas fascina com naturalidade todos os que estão à sua volta. Yuu voltou a entrar em contacto através do Twitter com a sua amiga de infância Koyuki Hinashi, que agora é uma cantora conhecida. Um dia, Yuu convida a Fuuka para ir a ver um concerto da Koyuki, e foi aí que, pela primeira vez, se encontraram no mesmo sítio. A história segue um triângulo amoroso entre um amor que começou através de aparelhos electrónicos e outro amor que começou naturalmente.

Fonte: ANN

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Foi lançada a sequela do light novel "Nogizaka Haruka no Himitsu"

O escritor Yuusaku Igarashi lançou o light novel Nogizaka Asuka no Himitsu, a sequela do seu light novel Nogizaka Haruka no Himitsu, na 60ª edição da revista Dengeki Bunko Magazine, que foi lançada no passado Sábado.

A editora Dengeki Bunko vai colocar à venda o romance a 10 de Abril.

A sequela centra-se à volta da filha de Haruka, que pretende ser uma especialista na cultura de Akihabara. A história segue o seu relacionamento com um rapaz "normal". Apesar de ser um sequela, o autor afirma que o romance pode ser lido como se tratasse de um romance original. Shaa, o ilustrador do light novel original, contribui com as ilustrações.

O light novel Nogizaka Haruka no Himitsu, que foi escrito por Yusaku Igarashi e conta com ilustrações de Shaa, foi lançado em 2004 e foi publicado até 2012. Teve duas adaptações para séries anime, uma em 2008 e a sua sequela em 2009 com o título Nogizaka Haruka no Himitsu: Purezza. Em 2012, foi lançado o OVA Nogizaka Haruka no Himitsu: Finale, que cobriu o arco final do light novel.

Na história do light novel original, Yuuto Ayase é um rapaz normal numa escola secundária privada que possui os seus "tiques" usuais. Haruka, a rapariga mais difícil de conquistar da escola, é tão idolatrada pela sua beleza e inteligência que os seus colegas de turma atribuíram-lhe as alcunhas Nuit Étoile (A Estrela da Noite) e Lumière du Clavier (A Princesa Brilhante no Piano). No entanto, na biblioteca da escola, Yuuto descobriu o segredo mais sombrio de Haruka - ela é fanática por animes, mangás e pela cultura otaku.

 Fonte: ANN

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

"Epílogo" do mangá spin-off de "Magi" vai começar a 28 de Fevereiro

O mangá "spin-off" de Shinobu Ohtaka e de Yoshifumi Õtera, Magi: Sinbad no Bõken (Magi: A Aventura de Sinbad), vai dar início ao seu "epílogo" a 28 de Fevereiro na aplicação Manga ONE. Na aplicação é dada a indicação de que o novo arco vai ligar a história ao mangá original Magi. Também foi anunciado que a obra vai deixar de ser publicado semanalmente para ser publicado de duas em duas semanas.

Magi: Sinbad no Bõken é um mangá spin-off do mangá criado por Shinobu Ohtaka, Magi. A história desta obra tem lugar 30 anos antes dos eventos ocorridos em Magi e foca no caminho percorrido por Sinbad para se tornar rei.

O spin-off foi adaptado para cinco OVA's (Original Video Anime) entre 2014 e 2016 e uma série anime de 13 episódios, que foi emitida entre Abril e Julho de 2016, sendo que desde do 2º episódio e até ao 6º episódios foram emitidos os OVA's.

O mangá original Magi foi publicado entre 2009 e Outubro do ano passado. A obra inspirou duas séries animes de 25 episódios cada, Magi: The Labyrinth of Magic em 2012 e a sua sequela, Magi: The Kingdom of Magic, em 2013. A obra original de Shinobu Ohtaka re-imagina as personagens da obra clássica As Mil e Uma Noites.

Fonte: ANN

domingo, 11 de fevereiro de 2018

Revelado formalmente a nova série anime do realizador e estúdio de "Kemono Friends"

TATSUKI e Yaoyorozu, o realizador e o estúdio que produziram o anime Kemono Friends, revelaram formalmente a sua nova série anime, intitulada Kemurikusa. A nova série anime é uma adaptação de um anime produzido por TATSUKI com o mesmo título. O realizador e o estúdio fizeram o anúncio no "Yaoyorozu Status Update Talk Event" realizado na Shinjuku Ata Theater, localizado em Tóquio.

Kemirukusa foi um anime original lançado entre 2010 e 2012 pelo grupo independente de animação de TATSUKI, Inodori. O anime de acção e de ficção científica segue algumas raparigas que lutam contra entidades estranhas que são chamadas de "mushi" (insecto/bicho). O anime original venceu a 24ª edição do CG Anime Contest em 2012.

O staff vai revelar mais informações sobre o projecto numa data posterior.

TATSUKI (realizador em Kemono Friends) e o grupo independente de animação Inodori - composto por três pessoas, onde se incluem também o Yuuko Shiromizu (realizadora de arte em Kemono Friends) e Yoshihisa Isa (realizador de animação em Kemono Friends) - tinham anunciado em Dezembro um novo projecto de série anime através de um panfleto distribuído no evento Comiket (Comic Market).

Em Setembro do ano passado, TATSUKI revelou que a editora e produtora Kadokawa o informou que já não iria trabalhar mais no projecto Kemono Friends. Pouco tempo depois, tinha sido revelado no site oficial do projecto que o estúdio Yaoyorozu (que produziu Kemono Friends) também já não estaria envolvido no projecto devido a problemas de comunicação relativamente a permissões de utilização de direitos de autor.





Fonte: ANN