Páginas

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

O primeiro anime em cinco anos de Hayao Miyazaki estreia em Março

O site ficial do Ghibli Museum (Museu Ghibli) anunciou nesta terça-feira que a curta anime com recurso a animação feita a computador de Hayao Miyazaki, Kemushi no Boro (Boro, a Lagarta), vai estrear no museu a 21 de Março. Vai ser a primeira obra de Miyazaki desde que realizou o filme de 2013, Kaze ga Tachinu (conhecido em Portugal como As Asas do Vento e no Brasil como Vidas ao Vento).

Miyazaki planeou, escreveu e realizou a curta, que tem a duração de 14 minutos e 20 segundos. A curta centra-se à volta de uma lagarta que acaba de sair do seu ovo chamada Boro à medida que vai acordando com olhos frescos e dá os seus primeiros passos num mundo cheio de amigos e inimigos.

Hayao Miyazaki também se encontra a trabalhar no filme Kimi-tachi wa Dõ Ikuru ka, cujo o título deriva o livro escrito em 1937 pelo escritor Genzaburõ Yoshino com o mesmo título. Miyazaki prevê que irá demorara três ou quatro anos para terminar este filme. Toshio Suzuki, produtor do estúdio Ghibli, descreveu este filme como sendo uma "fantasia de acção e aventura" desenhada à mão.

Fonte: ANN

Sem comentários:

Publicar um comentário